10/04/2014 17h22 – Atualizado em 10/04/2014 17h22

Em Paranaíba, governo e Sanesul inauguram ampliação de ETE e autorizam novas obras

Nesta sexta-feira, 11 de abril, o governador André Puccinelli, o presidente da Sanesul, Victor Dib Yazbek Filho, e o prefeito Diogo Tita inauguram as obras de melhorias da estação de tratamento de esgoto (ETE) de Paranaíba, que teve sua capacidade ampliada de 20 para 70 litros por segundo

Da Redação

Nesta sexta-feira, 11 de abril, o governador André Puccinelli, o presidente da Sanesul, Victor Dib Yazbek Filho, e o prefeito Diogo Tita inauguram as obras de melhorias da estação de tratamento de esgoto (ETE) de Paranaíba, que teve sua capacidade ampliada de 20 para 70 litros por segundo, o que significa um salto na qualidade de vida da população.

Também foram executados 10.015 metros de rede coletora, 511 ligações domiciliares, 8.350 metros de interceptor, uma estação elevatória e 2.730 metros de linha de recalque. A Sanesul investiu nesse pacote R$ 4.203.020,04. Na oportunidade, será assinada uma ordem de serviço para implantação de mais 4.874 metros de rede coletora de esgoto e 177 ligações domiciliares, no valor de R$ 814.288,74.

Já para ampliação do sistema de abastecimento de água, o governador e o presidente da Sanesul autorizam o início do processo de licitação para contratação de cerca de R$ 33,7 milhões de recursos da empresa para serem aplicados na perfuração e ativação de um super poço, com vazão prevista de 250 mil litros de água por hora e uma profundidade prevista de mil metros, entre outras obras.

As assinaturas autorizando os novos investimentos acontecerão durante a entrega da premiação dos alunos da Rede Estadual de Ensino, às 13h45, na Escola Estadual Eracilda Cícero Corrêa da Costa, localizada na avenida Durval Rodrigues Lopes, 500, no bairro Ipê. Logo depois, às 16 horas, será realizado o descerramento da placa de inauguração da ETE, na avenida Rio de Janeiro esquina com a rua 4, bairro Jardim Daniel V.

(*)Com informação de Noticias MS

Também foram executados 10.015 metros de rede coletora, 511 ligações domiciliares, 8.350 metros de interceptor, uma estação elevatória e 2.730 metros de linha de recalque (Foto: Sanesul)

Comentários