09/03/2018 22h33

Automutilação é assunto entre vereadores e grupo de combate

Os vereadores de Três Lagoas, André Bittencourt e Marcus Baze, propõem audiência pública sobre o assunto.

Redação

O levantamento e o alerta sobre automutilação foram dados pelo Conselho Municipal de Saúde a Diretoria Pedagógica da Secretaria Municipal de Educação. Saltou de 27 casos em 2015 para 123 casos em 2017.

Preocupados com o bem estar escolar e em cumprimento da Lei Municipal 3.312, os vereadores da Câmara de Três Lagoas, André Bittencourt e Marcus Bazé , reuniram – se, na manhã de hoje (9), com um um grupo do Departamento Pedagógico da Secretaria Municipal de Educação , que organiza trabalhos frente ao combate deste perigo.

Do grupo, estavam presentes na reunião a diretora , Isabel Borges, a psicóloga Talyta Camargo e a assistente social, Eliseth Aparecida.

Os vereadores André Bittencourt e Marcus Bazé são autores da lei municipal que visa ações de políticas antibullying nas escolas públicas e privadas de Três Lagoas. A automutilação é uma das consequências do bullying , mas não é o único motivo. Segundo o grupo, as causas são diversas, como: conflito familiar, depressão, sentimentos oprimidos, abuso sexual e outros.

A psicóloga Talyta explicou que os jovens relatam que se automutilam com a sensação de que vão aliviar o desconforto psicológico/emocional.

As profissionais alertam que o número de casos sobre a automutilação em Três Lagoas pode ser ainda maior, pois o divulgado refere- se a casos que foram descobertos ou identificados pelos familiares, amigos e a própria comunidade escolar.

“Fiz questão de reunir com este grupo para entender ainda mais sobre o assunto. Quero acompanhar os trabalhos. Nossos jovens precisam de mais esclarecimentos , tanto da família e amigos , como da escola e do poder público” , disse o vereador André Bittencourt.

Objetivo

Na ocasião, os vereadores André Bittencourt e Marcus Baze discutiram com o grupo a participação das mesmas na audiência pública que será realizada em abril, para abordagem do Bulyling e Automutilação . “A princípio, nosso tema seria somente o bullying, mas diante desta triste e assustadora realidade entre os jovens das escolas de Três Lagoas, não tivemos dúvida em acrescentar a abordagem da automutilação”, explicou Bittencourt.

A audiência pública com o tema Alerta: Bullying e Automutilação, esta prevista para o dia 04 de abril, no Plenário da Câmara de Vereadores de Três Lagoas.

(*) Assessoria de Comunicação do vereador André Bittencourt


(Foto: Divulgação).


Comentários