03/04/2018 15h21

Escola Municipal Professora “Maria Eulália Vieira” trabalha com alunos dia Mundial do Autismo

Treze dos 830 alunos do Pré ao 9º ano são autistas e contam com a ajuda de professores e atendentes na Unidade

Redação

Durante todo o dia da última segunda-feira (02), a Prefeitura de Três Lagoas, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SEMEC), trabalhou o Dia Mundial da Conscientização do Autismo na Rede Municipal de Ensino (REME). Todos os funcionários e professores das Unidades Escolares da Cidade se vestiram de azul (cor da causa) para lembrarem o dia.

Além da vestimenta, uma das escolas a trabalharem o tema foi a Escola Municipal Professora “Maria Eulália Vieira” cujo prédio foi decorado com bexigas e cartazes produzidos pelos alunos com o tema alusivo a data.

Segundo a secretária da Escola, Hayra Rúbya Pincela de Queirós, a Unidade, que conta com 830 alunos, 13 deles diagnosticados com Transtorno do Espectro Autista (TEA), trabalhou nos dois períodos apresentações informativas, musicais e culturais abordando o tema com todos os alunos do Pré I ao 9º ano.

Além de uma palestra realizada pela atendente Solange Amaral que cuida de dois alunos autistas em estado gravíssimo, um coral em libras conduzido pelo intérprete Silvio Fontes Bazan, foi formado por uma das salas que conta com três alunos em condições especiais.

“Com a iniciativa da nossa diretora Adjunta Laura Matilde, reunimos todas as crianças no pátio e trabalhamos o tema com o nosso diretor Lélis Rocha explicando sobre o Autismo e sua simbologia; apresentamos nossos alunos com condições especiais às crianças que não as conheciam focando na conscientização de como interagir com elas de forma a não excluí-las; mostramos talentos como o do aluno Marcos Lanchone, 15 anos, que tocou violão e dos alunos do 7º ano Dominick Miranda, Evenny Santos, Lohana Sousa e Tauany Pacheco que declamaram poesia. Foi um dia bem participativo e de muita informação e conscientização para a nossa comunidade”, explicou a secretária.

PALESTRA

O Departamento de Gestão Pedagógica, por meio do Núcleo de Educação Especial da SEMEC, realizará na próxima sexta-feira (06), às 18h, no Centro de Referência de Assistência Social e Educacional – CRASE “Coração de Mãe”, Curso Desafios do Cotidiano Escolar – Inclusão e Práticas de Inclusão para os professores da REME.

Segundo Leles Guilherme, coordenador do Núcleo de Direitos Humanos, o curso abordará como tema principal “A construção da linguagem e do psiquismo de alunos típicos e alunos com TEA: modos diferentes de ensinar?”.

Ainda de Acordo com Leles, o curso tem como objetivo “levar os professores a compreenderem o psiquismo e a linguagem dos alunos típicos e alunos com TEA para uma construção adequada dos seus processos comunicativos e efeitos produtivos na relação de ensino aprendizagem dos mesmos em uma metodologia Sociointeracionista”, explica.

A formação será realizada pela Doutora, Mestranda, Professora Aposentada e Pesquisadora do Curso de Mestrado em Educação da UNOESTE, Zizi Trevisan, também autora e coautora de vários livros e artigos científicos nas áreas de Educação e de Linguística, Letras e Artes.

(*) Assessoria de Comunicação

O curso abordará como tema principal “A construção da linguagem e do psiquismo de alunos típicos e alunos com TEA: modos diferentes de ensinar?”. (Foto:Assessoria)

Comentários