Ele teria ido até o local para questionar o sujeito, que se fez de desentendido

Um familiar de Ana Paula Pagani Souza, 28, morta nesta madrugada, segundo testemunhas, pelo ex-namorado Maicon Douglas Rodrigues, 25, teria ateado fogo à casa do suspeito do crime, na Vila Carioca, em Três Lagoas.

Ele teria ido à casa de Maicon no início da manhã de hoje, 23, para cobrar esclarecimentos sobre o crime. O homem teria negado, se feito de desentendido, e voltado a dormir.

O familiar teria ido embora e confirmado que Maicon seria o autor do crime. Ele teria voltado à casa, mas Maicon já tinha fugido.

Pouco depois, a Polícia Militar chegou à residência e teria visto o familiar saindo da casa em chamas.

Comentários