18/03/2016 08h37 – Atualizado em 18/03/2016 08h37

O presidente da Fiems, Sérgio Longen, recebeu, na noite desta quinta-feira (17/03), os ministros paraguaios Gustavo Leite (Indústria e Comércio) e Ramón Jiménez (Obras Públicas e Comunicações) para apresentar uma proposta de cooperação internacional

Assessoria

O presidente da Fiems, Sérgio Longen, recebeu, na noite desta quinta-feira (17/03), no Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande (MS), os ministros paraguaios Gustavo Leite (Indústria e Comércio) e Ramón Jiménez (Obras Públicas e Comunicações) para apresentar uma proposta de cooperação internacional em educação profissional entre o Senai de Mato Grosso do Sul e o Paraguai.

O diretor-regional do Senai, Jesner Escandolhero, detalhou o projeto, explicando que a primeira etapa consistiria no diagnóstico empresarial, por meio de um mapeamento das empresas e setores industriais e suas características e identificação das necessidades de capacitação profissional. “Após esse trabalho seria realizado um estudo de adequação às normas e legislações de educação profissional entre os países e a terceira etapa seria o desenvolvimento do plano de trabalho de qualificação profissional”, disse.

Já o ministro Gustavo Leite destacou que a proposta segue a pauta que já foi acertada de integração entre Mato Grosso do Sul e Paraguai e deve encaminhá-la ao Ministério de Trabalho, Emprego e Seguridade Social. “É espetacular para o Paraguai ter uma opção para o empresário brasileiro que gosta do sistema de capacitação e que já conhece o sistema do Senai ter uma janela a mais para isso. No Paraguai nós temos também o sistema estadual do governo de capacitação que está funcionando bem, mas melhorar é sempre bom”, pontuou. Também participaram do encontro o embaixador do Brasil no Paraguai, José Felício, e o embaixador do Paraguai no Brasil, Manuel María Cáceres.

(*) Assessoria de Comunicação da FIEMS

Fiems apresenta ao Paraguai proposta de cooperação em educação profissional. (Foto: Assessoria)

Comentários