06/04/2016 14h41 – Atualizado em 06/04/2016 14h41

Com o objetivo de orientar sobre o cenário, legislação e os desafios na importação, o CIN (Centro Internacional de Negócios) da Fiems promoveu, nesta quarta-feira (06/04), na sala de treinamento do IEL de Campo Grande

Assessoria

Com o objetivo de orientar sobre o cenário, legislação e os desafios na importação, o CIN (Centro Internacional de Negócios) da Fiems promoveu, nesta quarta-feira (06/04), na sala de treinamento do IEL de Campo Grande, a capacitação em importação passo a passo, voltada a empresários e profissionais que buscam entender melhor sobre o funcionamento do mercado internacional.

O trabalho foi conduzido pela despachante aduaneira credenciada junto à Receita Federal, Deise Bastos, que é uma referência no assunto com mais de 15 anos de vivência em comércio internacional. Ela falou sobre a preparação das empresas para importar, modalidades de importação, consulta ao tratamento administrativo, acordos comerciais, regimes aduaneiros especiais, declaração de importação, despacho aduaneiro de importação, infrações e penalidades existentes em um processo de importação.

Deise Bastos acrescentou que o objetivo do treinamento foi fornecer aos participantes uma visão detalhada do processo de importação, suas etapas, procedimentos e conceitos. “Importar permite ter um diferencial no mercado, aumenta a competitividade no mercado interno e externo, além da diversificação, redução de possíveis riscos de desabastecimento, assim como permite uma atualização tecnológica, aumento da produtividade e garante maior qualidade, dependendo do produto e matéria prima”, declarou.

Segundo a gerente do CIN da Fiems, Fernanda Barbeta, a capacitação mostra potencialidades e saídas para quem visa expandir a rede de negócios e buscar materiais de base com qualidade e economia. “O curso ajuda o empresário a ter uma visão mais ampla do mercado internacional como um todo”, afirmou, destacando os serviços oferecidos pela entidade para apoiar a internacionalização das empresas por meio da promoção de negócios, inteligência comercial e emissão de documentos.

O empresário Luiz Fernando Brito, da União Plásticos, já participou de outros cursos e acredita que eles contribuem para entender mais sobre como funcionam as redes internacionais.

O gerente de marketing da BBCA Group no Estado, Thiago Santos Oliveira, participa pela primeira vez do curso. “Minha formação acadêmica é de engenheiro agrônomo e trabalho muito com comercio exterior. Tenho a experiência prática, então muitas das coisas faladas eu já domino, mas o curso serve para consolidar e agregar mais informações, tirar dúvidas”, pontuou.

Valdeir Pucci, da ATM Manutenção de Aeronaves, também participou do curso. “A intenção de participar do curso é ampliar o conhecimento e ver o que pode agrega para que possamos melhorar nosso sistema de importação”, disse.

(*) Assessoria de Comunicação da FIEMS

A capacitação em importação passo a passo, voltada a empresários e profissionais que buscam entender melhor sobre o funcionamento do mercado internacional. (Foto: Assessoria)

Comentários