10/11/2006 16h21 – Atualizado em 10/11/2006 16h21

Campo Grande News

A gasolina comercializada nos postos de combustíveis brasileiros passará a ter 23% de adição de álcool anidro a partir do próximo dia 20, segundo resolução do Conselho Ministerial do Açúcar e do Álcool publicada hoje no Diário Oficial da União. Segundo a Agência Brasil, a medida foi tomada em 31 de outubro para viabilizar a venda do grande estoque de álcool existente atualmente – cerca de 5,1 bilhões de litros, suficiente para o consumo adicional de 60 milhões de litros mensais até a entressafra (no segundo semestre de 2007, totalizando 307 milhões de litros). O conselho é um órgão vinculado do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e prevê que o aumento na adição do combustível não deve representar aumento de preços expressivos no início da colheita da cana-de-açúcar. A previsão é de que em maio de 2007, quando tiver início a colheita da atual safra, o país ainda terá 614 milhões de litros de álcool em estoque. O álcool em estoque é referente apenas à produção da região centro-sul, uma vez que a cana-de-açúcar produzida no Nordeste atende apenas necessidades regionais. O setor produtivo havia pleiteado que o percentual da mistura fosse de 25% de álcool, porém, segundo Luis Carlos Guedes Pinto, ministro da Agricultura e presidente do conselho, “o governo foi cauteloso”.

Comentários