Paciente morreu ontem de manhã no Auxiliadora e é a 39ª vítima da doença na cidade

Um homem de 31 anos foi a 39ª vítima fatal da Covid em Três Lagoas. Ele morreu na manhã de ontem, 19, no Auxiliadora. A única comorbidade relatada era a obesidade.

Trata-se da vítima mais jovem da doença na cidade. Antes dele, uma mulher de 32 anos havia morrido em decorrência da Covid em setembro.

De acordo com o boletim divulgado hoje, 20, mais 35 casos foram confirmados como positivos. Desse total, três casos foram excluídos por exportação para SIVEP ou outra localidade.

No hospital, estão 13 pessoas, sendo sete em leitos de UTI: três confirmadas em UTI pública, uma em UTI privada, três em enfermaria pública e duas em enfermaria privada. Entre os suspeitos, três estão em UTI pública e um em enfermaria privada.

Três Lagoas chega a 17.165 testes realizados, dos quais 2.575 foram confirmados. Entre os positivos, 2.232 já se recuperaram da doença e 39 foram a óbito. O número de casos ativos é de 304.

Nota oficial sobre o óbito

O Hospital Nossa Senhora Auxiliadora divulgou a seguinte nota a respeito do mais recente óbito registrado:

Três Lagoas, 20 de outubro de 2020.

O Hospital Auxiliadora informa que um paciente de 31 anos do sexo masculino deu entrada no dia 09 de outubro, transferido do UPA em uso de oxigenoterapia, dessaturando, com histórico de falta de ar, tosse há 8 dias, diagnosticado com taquicardia supraventricular, foi encaminhado para a UTI Covid no mesmo dia, precisou ser entubado, testou positivo para COVID-19. O paciente não resistiu e foi a óbito no dia 19 de outubro às 08h00. Registro de comorbidades: obesidade.

Comentários