09/11/2006 17h24 – Atualizado em 09/11/2006 17h24

Agência Estado

Uma funcionária da Editora Abril foi assassinada hoje pelo ex-noivo que, depois de cometer o crime, se suicidou. De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública, o caso aconteceu nas proximidades da empresa, na zona oeste da capital paulista. A assistente comercial Danielle Soares Teixeira, de 25 anos, chegava para trabalhar e estava em companhia de um colega. O ex-noivo, ainda não identificado, a abordou, iniciou uma discussão e, de repente, sacou um revólver e atirou nela. Danielle chegou a ser levada para o pronto-socorro do Hospital das Clínicas, mas não resistiu aos ferimentos. Logo depois, o rapaz disparou contra a própria cabeça e também morreu. Danielle trabalhava na editora há um ano e oito meses.

Comentários