11/11/2006 10h59 – Atualizado em 11/11/2006 10h59

Vítima de infarto fulminante, quando se utilizava de um orelhão nas imediações de sua casa, por volta das 20 horas desta sexta-feira (10), morreu Altímo Hermenegildo Sabino, 58 anos, figura conhecida dos três-lagoenses, principalmente pela classe política. CRÍTICAS Altímio entrou para o jornalismo no início dos anos 80 como articulista do extinto Jornal Gazeta Popular, onde se escondia atrás do pseudônimo Souza Gomes, enfocando os mais diversificados temas. Anos mais tarde, abriu o seu próprio jornal, denominado “O Momento”, que teve alguns anos de sobrevida. Chegou a colaborar com o – também extinto – Diário de Três Lagoas. Ultimamente, quer seja através de vários pseudônimos ou do próprio nome, Altímio fazia parte de um periódico apócrifo com o qual se identificava perfeitamente. Dono de uma inteligência descomunal, Altímio foi seminarista em colégio de padre e também fez cursos teológicos da igreja evangélica. Conhecedor da Bíblia, dizia que as críticas que escrevia eram ditadas por Deus que constantemente o acordava no meio da madrugada. Também nunca se firmou em nenhuma igreja evangélica, pois se considerava superior a todos. O enterro será na tarde deste sábado.

Comentários