11/07/2017 16h12

Leilão “Nelore Pintado P.O” acontece no domingo durante a Expobel

Com transmissão ao vivo, Hélio Corrêa Assunção e convidados põem em pista 250 animais, Nelore Variedade Pelagem. O leilão acontece no domingo, dia 16 e será coordenado pela Leiloboi

Ricardo Ojeda

O pecuarista Hélio Corrêa de Assunção, um dos únicos e mais antigos criador do Nelore Variedade de Pelagem reúne no próximo sábado, (15), um grupo seleto de convidados para o dia de campo que vai promover na sua fazenda, Santa Maria do Apa, em Bela Vista (MS).

Helinho, como é mais conhecido vai mostrar aos convidados seu plantel que entra em pista, no domingo, dia 16, no tatersal, João Pinheiro Murano, do sindicato rural de Bela vista, durante a 46ª Expobel – Exposição Agropecuária de Bela Vista.

O criador Hélio Corrêa de Assunção e convidados vão promover o 8º Leilão Nelore Pintado PO. Para isso ele espera, a exemplo dos anos anteriores reunir, amigos e clientes vindos de várias regiões do Brasil.

EM PISTA

Entrarão em pista 250 animais machos e fêmeas, pintados de vermelho e preto. Do plantel da fazenda, Santa Maria do Apa, de Hélio Corrêa 40 animais vão ser ofertados, dos quais; touros das cores vermelho e preta, além de cinza. Fêmeas Nelore PO, pintadas de vermelho e preta, algumas delas, paridas e prenhas.
No leilão do ano passado, Helinho Corrêa conquistou grande sucesso, ofertando animais de alta qualidade e robustez, com alta qualidade genética. Na ocasião, o Touro HCA 4384 (KHARYA DA CA), foi batido o martelo pelo valor de R$ 45.600,00, comprado pelo amigo e criador, Nelson Garcia de Freitas, da Fazenda Irara, de Maracajú.

PLANTEL DE QUALIDADE

Durante o leilão, que será transmitido ao vivo pelo Agro Canal, serão ofertados em pista animais nelore variedade de pelagem diferenciados e de primeiríssima qualidade. Em edições anteriores, Helinho e convidados receberam mais de 500 convidados, garantindo o sucesso e o recorde nacional que ainda continua sendo do Leilão Nelore Pintado.

De acordo com o criador, “os animais que entrarão em pista não tem cruzamento e todos são oriundos da Índia. Portanto com uma qualidade genética que reforça qualquer criatório, seja para quem é do ramo ou quem pretende iniciar com seleção”.

O nelore pintado de vermelho e pintado de preto são animais raros. “Por isso tem um preço diferenciado, são reprodutores de alta linhagem, filhos de matrizes de alta fertilidade, o que resulta em bezerros campeões”, reiterou Hélio Corrêa.

A Fazenda Santa Maria do Apa está localizada na Rod. Bela Vista/Antônio João, Km 63, há 37 Km de Bela Vista (MS).

HISTÓRIA

Considerado um apreciador dos “pintados” ou carinhosamente chamado de tapetes, Hélio Corrêa de Assunção faz história com seu plantel.

Helinho nasceu em 1951, na cidade de Barretos (SP) e há 37 anos é criador da raça Nelore Variedade de Pelagem. Ele iniciou seu plantel no ano de 1974, criando animais pintados de vermelho e de preto. Desde então essa variedade são um sucesso de peso e características raciais em Mato Grosso do Sul.

Por onde passa, os animais atraem a curiosidade das pessoas, pelas suas belezas de pelagem. A criação pode alinhar-se em todas as principais qualidades da raça, como produtividade, precocidade, fertilidade, rusticidade e conversão alimentar.

O Nelore pintado de vermelho e pintado de preto são animais raros e entram em pista no próximo domingo durante a Expobel (Foto: Divulgação)

Helinho nasceu em 1951, na cidade de Barretos (SP) e há 37 anos é criador da raça Nelore Variedade de Pelagem (Foto: Reprodução)

Por onde passa, os animais atraem a curiosidade das pessoas, pela suas belezas de pelagem (Foto: Divulgação)

Comentários