25/01/2012 08h16 – Atualizado em 25/01/2012 08h16

O comportamento de dezembro pode ser explicado pela sazonalidade de alguns setores

Correio do Estado

No ano passado, 275.464 pessoas perderam o emprego em Mato Grosso do Sul, aponta o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgado ontem pelo pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). O volume de desligamentos segurou o saldo de geração de emprego com carteira assinada, que foi de 23.346, 17% a menos que os 28.149 postos criados em 2010. Em dezembro, terceiro mês consecutivo com déficit no mercado de trabalho formal, foram extintos 9.770 vagas, o pior desempenho desde 2008, quando foram fechados 15.103 postos.

O comportamento de dezembro pode ser explicado pela sazonalidade de alguns setores, conforme observa o consultor de mercado Aldo Barrigossi. Ele lembra que, nesse período do ano, a agropecuária, serviços, indústria e construção civil aumentam os desligamentos. No total, esses setores fecharam 9.866 postos de trabalho, 94% do total do saldo do mês. “Em dezembro, geralmente, os empresários agem com mais cautela, evitando novas contratações, sobretudo, nessas atividades”, afirma o consultor.

Comentários