21/01/2012 08h00 – Atualizado em 21/01/2012 08h00

Sempre quis ficar, falei com eles na segunda para que façam as coisas da melhor maneira”, explicou

TERRA

O meia Montillo quebrou o silêncio nesta sexta-feira na Toca da Raposa 2 e falou sobre o futuro. O jogador, que possui contrato com o Cruzeiro até 2014, disse que pediu aumento salarial e aguarda resposta o presidente do clube, Gilvan de Pinho Tavares, até a próxima terça-feira. Corinthians e São Paulo tentaram contratar o argentino.

“Tive uma reunião com o presidente na segunda-feira que deveria haver um reconhecimento já que houve uma recusa de proposta. Ele me disse que em uma semana iria ver. Sempre vou procurar o melhor como falei. Sempre quis ficar, falei com eles na segunda para que façam as coisas da melhor maneira”, explicou.

Montillo garante que terá o mesmo empenho em campo das últimas temporadas, no entanto acredita que precisa receber reconhecimento da diretoria celeste.

“Quando quer que um jogador fique e recusa uma proposta, o Cruzeiro tem que fazer o mesmo, a valorização que outros times tiveram. A diretoria pediu uma semana e na terça-feira vamos ver com meu procurador. E bola para frente, e vamos para o Mineiro”, completou.

Questionado se acredita que vai ser mais cobrado pela torcida do Cruzeiro após a “novela”, o argentino se mostrou tranquilo.

“Estou aqui para jogar futebol e fazer melhor dentro de campo. Gosto do Cruzeiro. O torcedor e meus companheiros sabem que vou jogar da mesma maneira. Vou jogar do mesmo jeito. Ao cara que pensa diferente disto, mostrarei em campo que continuarei a dar alegrias ao torcedor”, concluiu.

Montillo pretende também a prorrogação do vínculo com o clube mineiro. O atual contrato do meio-campista vai até agosto de 2015.

Comentários