17/04/2014 08h52 – Atualizado em 17/04/2014 08h52

Uma mulher identificada apenas como Ivete, de 71 anos, morreu depois de ser atropelada por ônibus da integração Santa Carmélia, no final da tarde de hoje (16), na Rua Abiurena com a Florestal, no Bairro Coophatrabalho, em Campo Grande

Da Redação

Uma mulher identificada apenas como Ivete, de 71 anos, morreu depois de ser atropelada por ônibus da integração Santa Carmélia, no final da tarde de hoje (16), na Rua Abiurena com a Florestal, no Bairro Coophatrabalho, em Campo Grande. De acordo com testemunhas, ela estava descendo do ônibus, quando sua sacola ficou enroscada na porta. O motorista não viu e arrancou com o veículo. A idosa caiu e teve a perna esmagada pela roda traseira.

Passageiros avisaram o condutor, que desceu e viu o que havia acontecido. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e os bombeiros do Coronel Antonino foram acionados e prestaram os primeiros socorros à vítima, mas ela não resistiu aos ferimentos e faleceu.

A cozinheira Elsa Aparecida dos Santos, de 40 anos, estava na frente de casa fumando um cigarro e viu tudo. Revoltada, ela criticou a falta de cobradores no transporte coletivo, pois o profissional poderia ter visto e alertado o motorista. “Isso é economia. E a economia hoje faz uma família chorar”, declarou. O Batalhão de Polícia Militar de Trânsito (BPTran) esteve no local e isolou a rua.

(*)Com informação de Correio do Estado

Samu e Bombeiros foram acionados para atender ocorrência (Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado)

Comentários