24/09/2013 10h27 – Atualizado em 24/09/2013 10h27

PMA autua fazendeiro goiano em R$ 6,9 mil por derrubar árvores ilegalmente para exploração da madeira

Na propriedade os policiais verificaram que o dono da fazenda havia derrubado 26 árvores esparsas, das espécies “ipê”, “jatobá” e “angico”

Da Redação

Policiais Militares Ambientais de Costa Rica (MS) realizavam fiscalização nas propriedades rurais do município e autuaram ontem à tarde um fazendeiro que explorava madeira ilegalmente. Na propriedade, localizada às margens da rodovia MS 306, próxima ao km 11, os policiais verificaram que o dono da fazenda havia derrubado 26 árvores esparsas, das espécies “ipê”, “jatobá” e “angico”, para exploração da madeira sem autorização ambiental.

A madeira foi apreendida e as atividades foram interditadas. O fazendeiro, residente em Goiânia (GO) foi autuado administrativamente e multado em R$ 6.900,00. Ele também responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de seis meses a um ano de detenção.

(*) Com informações de Assecom PMA

A madeira foi apreendida e as atividades foram interditadas (Foto: Divulgação/PMA)

Comentários