18/01/2013 10h53 – Atualizado em 18/01/2013 10h53

Polícia Militar Ambiental está na Lagoa Maior tentando localizar mais jacarés

De acordo com os policiais o jacaré que apareceu no local é mesmo da espécie do papo amarelo e após a constatação de quantos existem na lagoa será feita uma reunião com outros órgãos para que uma medida preventiva seja tomada

Cristiane Vieira

Uma equipe da Polícia Ambiental, comandada pelo tenente Gildo de Souza, está na Lagoa Maior para tentar localizar o jacaré que ganhou as redes sociais durante esta semana. Eles estão no local com um barco para ver se lá existem outros animais da espécie.

O tenente Gildo disse que os animais têm acesso fácil a Lagoa. “Esses jacarés não são nativos daqui, mas eles vêm por dois córregos que são ligados a essa Lagoa.”, concluiu. Ainda de acordo com o tenente oficialmente existe a informação de que são dois jacarés que estão na Lagoa Maior.

De acordo com informações dos policiais o jacaré é mesmo da espécie do papo amarelo e medidas precisam ser tomadas para a preservação. “Assim que localizarmos ele e conseguirmos ver quantos existem aqui vamos fazer uma reunião com a Secretaria de Meio Ambiente e o IBAMA para decidir qual a melhor forma de preservação desse animal e também da população que vem até a Lagoa Maior diariamente”, concluiu o policial.

PMA confirmou que o jacaré é do papo amarelo e que existem oficialmente dois no local. Foto: Cilleid Heredia

Comentários