Dr. Antonio Carlos Monteiro, 59 anos, morreu na tarde de hoje no Hospital Evangélico; é o 41º óbito por covid em Dourados e a 137ª no estado

Dr. Monteiro morreu na tarde de hoje em Dourados. Foto: Reprodução Facebook

O médico pneumologista Antônio Carlos Monteiro, 59 anos, é a 41ª morte por coronavírus em Dourados. Ele foi o terceiro profissional da saúde a morrer em menos de dez dias na segunda maior cidade do estado, que vive surto e já registra 3.220 casos positivos da doença.

De acordo com informações do MidiaMax, Dr. Monteiro começou a passar mal enquanto estava atendendo e foi imediatamente socorrido por um colega. Ele foi diagnosticado com covid-19 e estava internado há vários dias em decorrência da infecção no Hospital Evangélico e faleceu na tarde desta quinta-feira (9) em Dourados.

As outras vítimas do coronavírus que estavam na linha de frente do combate à doença na cidade foram dr. Miguel Yoneda, médico de 74 anos, e Dirceu Ferreira Guimarães, de 82 anos, um dos sócios do antigo Hospital das Clínicas Santa Helena, em Nova Andradina. Ele estava internado no HU-UFGD (Hospital da Universidade Federal da Grande Dourados) e estava morando na cidade.

No período da manhã, o Comitê de gerenciamento de Crise do Coronavírus em Dourados já havia confirmado os óbitos de duas mulheres. A primeira é uma idosa  de 84 anos, que estava internada no Hospital Santa Rita e era moradora do distrito de Indápolis e faleceu na tarde quarta-feira (8).

Já a segunda vítima, segundo o Comitê de Dourados, tinha 31 anos e algumas comorbidades. Inicialmente ela deu entrada na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) no dia 6 de julho. Com o agravamento do seu estrado de saúde, ela foi transferida para uma unidade hospital da rede particular e acabou falecendo na manhã desta quinta-feira (9).

Segundo o Comitê, Dourados tem 3.315 casos confirmados da doença. Desse total,  2.914 estão concentrados no perímetro urbano, 161 na Reserva Indígena Federal, 59 nos distritos rurais e 36 em outras localidades.

Comentários