16/02/2012 09h33 – Atualizado em 16/02/2012 09h33

PMA aumenta fiscalização no Rio Paraguai e Rio Paraná

A fiscalização irá ocorrer do dia 17 até o dia 22 quarta-feira

Adriano Vialle

A Polícia Militar Ambiental inicia neste final de semana a “Operação Carnaval”, contando com efetivo de 288 homens. A operação inicia amanhã (17) às 08h00 com foco principal na pesca predatória. O encerramento será às 08h00 do dia (22) quarta-feira.

De acordo com a PMA a estratégia montada deverá reforçar o policiamento em Corumbá e Porto Murtinho, áreas que envolvem o rio Paraguai. E outras cidades com tradições carnavalescas que receberão número maior de turistas, como: Bonito, Jardim, Coxim, Aquidauana e Miranda que receberão maior efetivo.

RIO PARANÁ

A fiscalização também irá ser intensa no Rio Paraná devido à pesca permanecer fechada na bacia do rio até o dia 29 de fevereiro nos municípios de Bataguassu, Aparecida do Taboado, Batayporã e Três Lagoas, além de vários pontos fixos localizados nas Cachoeiras do rio Anhanduí, em Bataguassu, Rio Verde, Água Clara e Salto do Pirapó, em Amambai.

EFETIVO

Cerca de 5 equipes da sede, Campo Grande, também estarão fazendo fiscalização itinerante, sem uma área definida. Também 80% efeito de 360 homens estarão envolvidos na operação, sendo que os comandantes das 25 subunidades empregarão todo efeito no trabalho de fiscalização.

ALERTA

A PMA informa que a única pesca permitida neste período na bacia do Rio Paraguai e nos rios de domínio do estado de Mato Grosso do Sul, na Bacia do Paraná é a pesca de subsistência. Então, quem pode pescar é o ribeirinho que precisa para manutenção de seus sustentos. Ele pode capturar 3 quilos, ou um exemplar, respeitando as medidas permitidas, não podendo comercializar.

PESCA

No Rio Paraná, pode haver captura de 10 quilos e mais 1 exemplar de peixe exótico e não nativo da bacia, como: tucunaré, corvina, tilápia, bagre africano, porquinho, etc.

OPERAÇÃO ANO PASSADO

No ano passado, 9 pessoas foram presas em toda operação.

PMA intensifica fiscalizações neste carnaval
Foto: Arquivo/Perfil News

Comentários