09/06/2017 10h48

Mesmo com o frio intenso e a chuva que atingiu a cidade, os policiais civis permaneceram no local e prometem continuar, independentemente do clima, até que o governador atenda à categoria

Redação

Esta sexta-feira (09), é o terceiro dia de acampamento dos policiais civis em frente à governadoria em protesto ao governo do estado que não cumpriu os compromissos firmados com a categoria. Mesmo com o frio intenso e a chuva que atingiu a cidade, os policiais civis permaneceram no local e prometem continuar, independentemente do clima, até que o governador atenda à categoria. “Estamos preparados para enfrentar o frio com muitos cobertores em nossas barracas. Só vamos sair daqui para conversar diretamente com o governador,” destacou o diretor jurídico do Sinpol-MS, Max Dourado.

A manifestação começou na manhã do dia 07 de junho e não tem data para terminar. O grupo instalou tendas, barracas, banheiros químicos e um espaço para as refeições. Foi montada uma escala de rodízio para que o atendimento à população nas delegacias não seja prejudicado durante a manifestação, porém durante o dia todos os policiais civis da ativa e aposentados estão convocados a participarem.

“Quando os policiais civis são valorizados, a sociedade toda é beneficiada, pois terá profissionais motivados para combater a corrupção que assola a administração do nosso estado e a criminalidade que atormenta diariamente as famílias sul-mato-grossenses”, enfatizou o presidente do sindicato, Giancarlo Miranda

(*) Assessoria de Comunicação

A manifestação começou na manhã do dia 07 de junho e não tem data para terminar (Foto/Assessoria)

Comentários