04/01/2013 14h19 – Atualizado em 04/01/2013 14h19

Marcia Moura manteve mais de 40 projetos culturais em 2012

Foram mais de 8 mil pessoas aprendendo gratuitamente artesanato, dança, música, teatro e circo

Da Redação

A prefeita de Três Lagoas Marcia Moura (PMDB) manteve, durante todo ano de 2012, 44 projetos culturais para a população de todas as idades. São mais de 8 mil pessoas aprendendo arte nas aulas gratuitas de dança, teatro, música, circo e artesanato disponíveis nas Escolas Municipais da Cultura.

MÚSICA CLÁSSICA

Um dos projetos é a Orquestra de Câmara de Três Lagoa, que faz parte da Escola Municipal de Música, e foi fundada no dia 1° de junho de 2010. Este projeto foi idealizado pela Prefeita Márcia Moura, junto a Diretora de Cultura Vickie Vitturi, a Coordenadora dos Projetos Musicais Cidinha Mariano e o atual Coordenador da Orquestra Ricardo Brasil. Nas aulas, também são desenvolvidos, através do Projeto de Cordas da Orquestra de Câmara, cursos de violino, viola de corda, violoncelo e baixo acústico para mais de mais de 600 alunos.

Para apresentações, a Orquestra de Câmara conta com 70 integrantes, sendo que a grande maioria deles começou a aprender a tocar um instrumento na própria Escola de Música, há pouco mais de dois anos. Eles já se apresentaram em diversos lugares, como por exemplo no Festival de Cultura Ativa, Itanhaém (SP); no Festival de Inverno de Três Lagoas; e na Serenata de Natal.

BANDINHA RÍTMICA

Já nos Centros de Educação Infantis (CEI´s) Marcia implantou o projeto Bandinha Rítmica, atualmente são 500 crianças participando das atividades que desenvolvem a coordenação motora, o ritmo, a audição, a percepção, a socialização e a criatividade.

“As atividades são realizadas aos poucos, para que a criança conheçam cada instrumentos e suas possibilidades. Para que o aluno desenvolva o autodomino”, explicou a professora responsável pelo Projeto, Rute Ardigó.

A pequena Virginia Paula Marcelo de Freitas, de 5 anos, tinha grandes dificuldades nas pronuncias das palavras e conseguintemente na comunicação com os colegas. Com um ano participando do Projeto ela conseguiu contar claramente o que mudou: “Gosto de todas as aulas, e gosto de cantar o Sapinho Amarelinho”, falou fluente a esperta Virginia, que superou as expectativas ao ser questionada sobre qual instrumento prefere: “Eu gosto de tocar o agogô. É o mais legal de todos”.

(*)Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura

Atualmente 500 crianças participam do projeto da Bandinha Rítmica. Foto: Divulgação/Assessoria

Comentários