03/12/2014 14h06 – Atualizado em 03/12/2014 14h06

Agência Brasil

Não Ambiental. Os trabalhos de Educação têm sido prioritários para a Polícia Militar Ambiental. O Núcleo de Educação Ambiental da Capital atendeu, desde que passou a atuar diretamente em escolas entre 1999 a 2014, mais de 240 alunos. Atualmente, além da Capital, atende a uma cidade do interior ao mês, durante o ano letivo e neste ano atendeu 25.844 alunos.

Além do Núcleo de Educação Ambiental (NEAM), os trabalhos são desenvolvidos também pelo Projeto Florestinha, no Centro de Educação Ambiental Florestinha (CEA/FLORESTINHA), localizado no Parque Cônsul Assaf Trad, em Campo Grande, que também atende a alunos da Capital e Interior. As atividades de Educação Ambiental, tanto as executadas pelo NEAM, como pelo Florestinha, são desenvolvidas em forma de oficinas temáticas. No Projeto Florestinha os trabalhos são executados pelas próprias crianças do Projeto Florestinha com as seguintes oficinas:

  1. Plantio de Mudas Nativas, com palestras sobre a importância da vegetação, problemas relativos aos desmatamentos, erosões etc.
  2. Reciclagem de papel, com palestra sobre os problemas relacionados aos resíduos sólidos.
  3. Visitação ao museu de animais e peixes empalhados, com palestra sobre fauna, pesca, atropelamentos de animais silvestres, tráfico etc.
  4. Apresentação do teatro de fantoches, com peças sobre as questões ambientais, como: águas, desmatamentos, incêndios florestais e resíduos sólidos.
  5. Passeio no Parque Cônsul Assaf Trad, com discussões sobre erosões e conservação do solo, assoreamento e sobre recursos hídricos.
    Neste ano, as crianças e adolescentes do Projeto Florestinha atenderam 7.870 alunos de 47 escolas públicas e privadas da Capital e Interior, como viagem para atendimentos nos municípios de Ribas do Rio Pardo, São Gabriel do Oeste e Bandeirantes. No ano passado foram atendidos 11.917 alunos.

A PMA investe em Educação Ambiental, por entender a necessidade de formar multiplicadores na busca da tão esperada transversalidade do tema Educação Ambiental, pois sabe que a prevenção por meio da Educação Ambiental é o caminho para a proteção dos recursos naturais em todo o mundo. Nas escolas, a difusão das ideias é mais fluente e rápida, pois se quer mudar cultura, faz-se por meio das crianças e adolescentes. O resultado virá em um futuro próximo, pois essas crianças e adolescentes estarão em pouco tempo comandando os mais altos postos da Política Estadual, Federal e de outros poderes, ou se não, poderão ser simplesmente os cidadãos que conservarão os recursos naturais, sabedores da importância destes recursos para a vida no planeta.

Só por meio da Educação Ambiental as infrações e crimes ambientais diminuirão. A repressão sempre será necessária em virtude da ganância humana, mas com este trabalho a necessidade de reprimir será sempre menor e consequentemente a geração atual e futura desfrutará de um meio ambiente equilibrado e melhor qualidade de vida.

Comentários