17/02/2012 16h19 – Atualizado em 17/02/2012 16h19

Durante solenidade de inauguração, homem passa mal e é socorrido pelo governador

Homem foi atendido no local por uma junta de três médicos: André Puccinelli, o prefeito de Brasilândia e pelo ex-presidente do Sindicato Rural de Três Lagoas

Ricardo Ojeda

Durante solenidade de inauguração do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) que aconteceu na manhã desta sexta-feira em Brasilândia, uma situação inesperada aconteceu, quando um homem teve um mal súbito e caiu gritando no chão. Neste momento o prefeito do município, Antonio Thiago de Pádua estava fazendo o discurso e o governador prestava atenção a sua explanação.

JUNTA MÉDICA

Quando viu o homem caindo o chão não pensou duas vezes e correu para socorrê-lo. André, que é médico prestou os primeiros socorros no local, sendo auxiliados pelo ex-presidente do Sindicato Rural de Três Lagoas, Domingos Martins e pelo prefeito de Brasilândia, já que ambos são médicos.

Uma ambulância UTI que estava sendo entregue na solenidade foi acionada e levou o paciente para atendimento de emergência no hospital da cidade.
Segundo informações o paciente toma remédio controlado e naquele momento sua mãe estava internada no hospital local

André Puccinelli e o Domingos Martins prestaram os primeiros socorros ao paciente no local (Foto: Ricardo Ojeda)

Enquanto o homem era atendidos pelos médicos/políticos formou uma aglomeração no local (Foto: Ricardo Ojeda)

Durante inauguração do Cras,que recebeu o nome de Celina Martins Jallad, ex-deputada e ex-conselheira do Tribunal de Contas, que morreu no ano passado, o ex-governador Wilson Barbosa Martins marcou presença para agradecer a homenagem feita à sua filha (Foto: Ricardo Ojeda)

Comentários