Os indivíduos confessaram que teria atirados duas vezes em uma vaca que fugiu assustada do local. Os homens disseram que iriam abater o animal para consumo próprio

Na noite de sábado a equipe Delta da Polícia Militar de Três Lagoas ao atender uma ocorrência de disparos de arma de fogo, acabou prendendo quatro indivíduos que estavam para cometer abigeato na região do Palmito.

Era por volta das 20 horas quando a equipe foi acionada via COPOM para atender denúncia de disparo de arma de fogo na região conhecida como porto de areia aproximadamente 20km da cidade, no deslocamento os policiais realizaram várias abordagens a veículos que vinham daquela região (área rural).

Já próximo do porto de areia foi avistado dois veículos, um Gol cinza e uma Caravan prata, em uma trilha próximo da via principal. Os policiais abordaram os quatro elementos que estavam no veículo. Durante a fiscalização e busca pessoal foi localizado três facas de tamanhos diversos, 1 lona azul, 1 facão e 1 Chaira, instrumentos usados para a desossa de animais. Na Caravan foi localizado uma espingarda adaptada para o disparo de munição calibre .22, além de cinco munições intactas do mesmo calibre.

Em entrevista os indivíduos acabaram confessando que estavam na região para cometer o crime de abigeato onde iriam matar o gado para consumo próprio. Inclusive, eles disseram que momentos antes efetuaram dois disparos em uma vaca. Porém assustada com os disparos e provavelmente ferida, fugiu não sendo possível localizá-la.

Diante dos fatos os suspeitos foram encaminhados ao Depac onde foram entregues sem lesões corporais para providências cabíveis. Juntos com os indivíduos, os policiais apreenderam; 3 facas, 1 facão, uma lona azul, uma espingarda cal .22, cinco munições intactas cal .22 e dois aparelhos celulares.

Comentários