16/03/2016 09h58 – Atualizado em 16/03/2016 09h58

Entre as obras, estão a perfuração de três poços tubulares profundos, que vão ampliar a oferta de água em cerca de 450 mil litros de água por hora

Assessoria

A Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) está investindo cerca de R$ 12,4 milhões na ampliação dos sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário em Três Lagoas, com recursos próprios da Empresa via financiamentos. Para aumentar a capacidade de distribuição de água, serão construídos novos reservatórios, implantados distritos de medição e controle, novas redes de distribuição, entre outras intervenções. Já entre as obras nos sistemas de esgoto, estão a ampliação da Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) Planalto/São João, cuja capacidade de tratamento aumentará em 100 litros por segundo.

Atualmente, Três Lagoas tem 43 mil ligações de água e 19 mil de esgoto. Com a perfuração de três poços tubulares profundos que já foram finalizadas, faltando a ativação dos mesmos, a oferta de água seá ampliada em cerca de 450 mil litros por hora, sendo que cada poço tem vazão média de 150 mil litros de água por hora.

Um dos poços está localizado no sistema Vila Piloto, que engloba, entre outros, os bairros Vila Piloto, Jardim dos Ipês, Vila Alegre, e dois poços estão no sistema Santa Luzia, localizado na região dos bairros Santa Luzia, Bela Vista, Ipacaraí, Vila Verde e Jardim Carandá. Os recursos são próprios da Sanesul, via financiamento pela Caixa Econômica Federal, perfazendo um total de R$ 1.651.760,11.

Também estão em execução as ampliações do sistemas de abastecimento de água dos setores Vila Piloto, Central e Santa Terezinha, cujas obras abrangem a construção de um reservatório enterrado com capacidade para 850 metros cúbicos, melhorias da caixa de reunião dos poços e do almoxarifado, implantação de Distritos de Medição e Controle; Reforma e substituição dos equipamentos da elevatória de água tratada; e implantação de cerca de 30 mil metros de rede, ampliando a oferta de água na cidade. A obra terá o investimento de R$ 5.488.858,78, também com recursos próprios da Sanesul via Caixa Econômica Federal.

Já com relação à ampliação do sistema de esgotamento sanitário, que hoje atende 45% da cidade de Três Lagoas, serão construídas mais de sete mil metros de redes coletoras de esgoto, implantadas 606 novas ligações domiciliares de esgoto, além da ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto Planalto/São João em 100 litros por segundo, com a finalização da construção de estação elevatória de 200 litros por segundo, urbanização da ETE e projeto social. O investimento de R$ 5.306.129,05 é próprio da Sanesul, também através de financiamento pela Caixa.

Além disso, o Governo do Estado também licitou novas obras para ampliar a rede de esgotamento sanitário da cidade. Serão investidos R$ 27,2 milhões, recursos do governo federal via Programa de Aceleração do Crescimento, segunda etapa.

(*) Assessoria de Comunicação SANESUL

Poço sendo perfurado em Três Lagoa pela empresa Sanesul. (Foto: Assessoria)

Comentários