20/09/2017 10h45

Peixe enfrenta o Barcelona de Guayaquil na Vila e necessita de apenas um empate sem gols para conquistar a classificação, já que no primeiro jogo foi um a um fora de casa.

Flávio Veras

Há 13 pontos do líder Corinthians no Campeonato Brasileiro, o Santos praticamente já deixou claro que suas intenções estão voltadas quase que totalmente às disputas das quartas de final da Taça Libertadores. Na noite desta quarta-feira (20), o Peixe encara o Barcelona de Guayaquil, na Vila Belmiro às 21h45. Se vencer, ou empatar sem gols, o Santos passa às semi-finais da competição. O jogo de ida ficou em um a um.

Na partida de volta, no entanto, o clube da baixada não contará com dois de seus principais jogadores: Lucas Lima, com lesão na coxa direita já está vetado, e Renato com edemas na coxa e no tornozelo pode não atuar os 90 minutos.

Apesar disso, o Santos tem retrospecto favorável quando os dois não estão em campo. A equipe mais venceu do que perdeu e isso pode ser um alento, agora que Ricardo Oliveira voltou a marcar, e o técnico Levir Culpi com um tempo maior de trabalho tem maior conhecimento no elenco que possui.

Devido aos desfalques, o Levir escalará o Santos com dois meias de criação de origem: Vecchio, que fará a função de segundo volante, mas terá liberdade para sair para o jogo, e Jean Mota, que será responsável pela armação das jogadas. Outro possível desfalque é Victor Ferraz, que sentiu dores nas costas e na perna direita. Daniel Guedes deve ser o titular. Em contrapartida, o treinador contará com o retorno de Copete, desfalque no Equador. O colombiano volta ao time titular na vaga que Thiago Ribeiro ocupou nos dois últimos jogos.

RETORNO DO ARTILHEIRO

O faro pela artilharia parece estar voltando para Ricardo Oliveira. Depois de vários problemas físicos na temporada, o centroavante parece ter recuperado a melhor forma e tem chamado a atenção pela “saúde” em campo.

Um exemplo foi o empate em 1 a 1 contra o Barcelona de Guayaquil na última quarta-feira, no Equador. O camisa 9 correu durante o tempo, brigando com os defensores e ajudando na marcação até o último minuto. No jogo de volta desta quarta-feira, na Vila Belmiro, o centroavante é a principal esperança, principalmente pela ausência de Renato e Lucas Lima, lesionados.

A prática de artes marciais pode ser um dos segredos do artilheiro de 37 anos. Ele começou a treinar boxe e jiu-jitsu nos Emirados Árabes, quando defendeu o Al-Jazira e o Al-Wasl, entre 2009 e 2014. O atleta trabalha algumas bases dos esportes em academia na sua casa em Alphaville, na Grande São Paulo.

Prováveis escalações

Santos: Vanderlei, Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison, Vecchio e Jean Mota; Copete, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.

Barcelona-EQU: Banguera; Pedro Velasco, Aimar, Arreaga e Beder Caicedo; Gabriel Marques, Matías Oyola e Damián Díaz; Esterilla, Marcos Caicedo e Jonatan Álvez.

Barcelona e Santos empataram por 1 a 1 no último confronto (Foto: AP )

Comentários