16/03/2012 10h15 – Atualizado em 16/03/2012 10h15

Da Redação*

Sem atingir a meta de 180 exames por mês, a Santa Casa de Misericórdia de Paranaíba pode perder o aparelho de mamografia. O número, que é estipulado pelo Governo Federal, foi atingido pela última vez em agosto de 2011. Atualmente a média é de 120 exames/mês.

Na opinião da Técnica em Enfermagem da Santa Casa, Patrícia, o número exigido não é cumprido porque falta informação: “É uma questão cultural. As mulheres não estão atentando para esse lado da saúde delas, e é preciso abrir os olhos porque o índice de câncer de mama é altíssimo”, falou.

A mulher interessada em fazer a mamografia deve primeiro procurar a unidade de saúde do seu bairro, onde é entregue uma requisição para o exame. Com o pedido, a pessoa vai até a Santa Casa e agenda o atendimento.

(*) Com informações do Jornal Tribuna Livre

Comentários