25/01/2018 16h26

Roubo foi realizado na BR-158, próximo ao Rio Sucuriu, no último domingo (21), em Três Lagoas

Redação

Policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG) e do Serviço Reservado da Polícia Militar (P2), esclareceram um roubo que foi realizado na BR-158, próximo ao Rio Sucuriu, no último domingo (21), em Três Lagoas.

De acordo com informações policiais, houve uma grande investigação, que resultou na prisão de A. T. S., conhecido como “Davi” e de A.C.. Os suspeitos ocupavam um Hornet que foi utilizada no roubo.

Uma funcionária do posto de 21 anos foi acusada de passar informações aos comparsas, facilitando o crime. A esposa de um dos suspeitos também deu cobertura durante o roubo.

Durante o crime, a funcionária M. M. P. A., estava trabalhando no caixa do posto, quando os criminosos chegaram portando uma pistola e anunciando o roubo. Um frentista também foi rendido e foram levados cerca de R$ 1.600.

M., A. e J. D. M. P. foram detidos no conjunto habitacional “Pereira Barreto”, na manhã de hoje, enquanto que A., vulgo “Davi”, foi localizado na Vila Piloto, logo em seguida.

Na residência do casal A. e J., foram apreendidas uma porção de crack, uma porção de haxixe, além de uma porção de maconha. Foram encontrados também uma quantia de R$ 330,00. A motocicleta Hornet, de cor preta usada no crime, pertence a um irmão de A. e também foi apreendida.

Os investigados foram indiciados pela prática de crime de roubo qualificado mediante uso de arma de fogo e concurso de pessoas, quando então confessaram o crime.

Denúncias poderão ser realizadas através dos telefones ( 67) 3929-1173 ou (67) 3521-4984.

Hornet utilizada no roubo. (Foto: Divulgação/SIG)
Comentários