Paciente tinha 53 anos, era corretor de imóveis e se chamava Jairo; outro caso investigado é de um morador em condição de rua, que também estava internado, mas sem confirmação da doença

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas informa que um homem de 53 anos de idade que estava internado em UTI devido a Covid-19 veio a óbito nesta sexta-feira (15). Com outras comorbidades, o paciente já havia testado positivo para a doença. Desse modo, a cidade passa a contabilizar quatro óbitos causados pela doença.

Segundo informações apuradas pelo Perfil News, o homem se chamava Jairo e tinha o apelido de “Portuga”. Ele era corretor de imóveis. A família dele é de Dourados, mas ele morava em Três Lagoas.

De acordo com informações de amigos, ele teria procurado o Hospital há 15 dias, quando teria sido diagnosticado com dengue. No entanto, nesta terça-feira, 12, o quadro teria se agravado e ele teria retornado ao Hospital, quando foi internado e submetido ao teste de Covid, que deu positivo.

O sepultamento será feito pela Pax Vida e não haverá velório. Os agentes funerários estão chegando ao Hospital para fazer a remoção do corpo.

Em nota, a Vigilância Epidemiológica informou que está em investigação um óbito suspeito de coronavírus ocorrido também nesta sexta-feira (15); um homem que estava internado em UTI, de 65 anos, morador de rua, tabagista. Se confirmado, esta será a quinta morte causada pela COVID-19 em Três Lagoas.

Entre os três óbitos anteriores estão duas mulheres, de 81 e 76 anos e um homem de 87 anos de idade. Todos tinham doenças pré-existentes, como: Hipertensão, Diabetes, Cardiopatia, Alzheimer e outras.

Comentários