29/03/2012 08h39 – Atualizado em 29/03/2012 08h39

Três Lagoas é uma das 200 cidades selecionadas para o Educando com a Horta Escolar e a Gastronomia

Equipe da Secretaria Municipal de Educação e Cultura irá a Brasília participar de curso de 09 a 13 de Abril

Assessoria de Comunicação

Três Lagoas é um dos municípios selecionados para participar do projeto do Governo Federal, “Educando com a Horta Escolar”. De acordo com a coordenadora de Alimentação Escolar, Vânia Mara Borges de Almeida, iniciativas parecidas com o projeto já eram desenvolvidas na cidade. “Já desenvolvíamos projetos em Três Lagoas usando o material didático do projeto ‘Educando com a Horta Escolar e a Gastronomia’”.

O PROJETO

O projeto ”Educando com a Horta Escolar” (PEHE) foi elaborado em 2004, em uma parceria entre o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO).

O objetivo é intervir na cultura alimentar e nutricional de crianças e jovens de escolas e comunidades, por meio das hortas escolares incorporando a alimentação nutritiva, saudável e ambientalmente sustentável.

Todos os anos uma temática é trabalhada, e em 2012, o foco é a gastronomia como instrumento de valorização dos ingredientes e receitas regionais, das técnicas culinárias de preparo de alimentos e da experiência de sabores e aromas das refeições preparadas para os alunos beneficiados no Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), do FNDE.

O CURSO

A iniciativa é uma parceria entre o FNDE e o Núcleo de Referência em Gastronomia e Alimentação Regional do Centro de Excelência em Turismo da Universidade de Brasília (CET/UnB). A primeira etapa, de um total de três, será de 9 a 13 de Abril e as outras duas serão agendadas posteriormente.

A equipe da Secretaria de Educação e Cultura enviada para o curso terá uma carga horária de aulas de 80 horas presenciais e 32 horas à distância.

AÇÕES

Após participarem do curso a equipe terá como obrigação promover no município de origem aulas, com 48 horas de duração, para diretores de escolas, coordenadores pedagógicos, merendeiras e professores.

A formação continuada será realizada por consultores nas áreas de educação, nutrição, meio ambiente, hortas e gastronomia. O grupo de Três Lagoas é composto pela presidente do conselho de alimentação escolar Cidolina de Fátima da Silva, o técnico da Secretaria Meio Abiente Manoel Latta Ernandes, a coordenadora pedagógica Miriam Vieira Batista Dias, a coordenadora de alimentação escolar Vania Mara Borges de Almeida, a responsável técnica pelo serviço de alimentação Jaline de Almeida, junto ao secretário de Educação, professor Mário Grespan Neto, convidado a participar do curso para a formação de agentes multiplicadores.

Comentários