22.4 C
Três Lagoas
sábado, 13 de agosto, 2022
InícioNotíciasTrês LagoasTrês-lagoenses irão viajar mais de 9 mil quilômetros para fazer churrasco na...

Três-lagoenses irão viajar mais de 9 mil quilômetros para fazer churrasco na Bélgica

A dupla de três-lagoenses é apaixonada por churrasco está entre os melhores ‘parrilleros’, também conhecidos como ‘assadores de carne’ do planeta

Você gosta de churrasco? Pode até gostar, mas nunca viajou mais de 9 mil quilômetros para assar carne, certo? Pois é, mas dois Três-lagoenses foram convocados para representarem o Brasil no Mundial de Churrasco que acontece de 2 a 4 de setembro, na Bélgica.

Fernando Jurado e Anderson Okahara, são churrasqueiros profissionais e integrantes da equipe Brutus

O mundial de churrasco acontece a cada três anos, mas o evento ficou paralisado devido à pandemia da Covid-19. Fernando Jurado e Anderson Okahara, são churrasqueiros profissionais e integrantes da equipe Brutus, de Três Lagoas.

A dupla, apaixonada por churrasco está entre os melhores ‘parrilleros’, também conhecidos como ‘assadores de carne’ do planeta. Os participantes adiantam como a competição vai acontecer na Bélgica.

“O último campeonato mundial de churrasco aconteceu na Irlanda e em 2022 acontece na Bélgica. São três dias de evento, sendo dois de competições. Cada equipe assa três cortes que vão variar entre bovinos, suínos, cordeiros e bifes. Cada corte tem um acompanhamento. Um dos dias da competição iremos produzir um prato típico do Brasil, o qual será avaliado”, explicou Fernando.

O competidor também ressalta que a competição terá equipes de 80 países, sendo que cada uma deverá ser formada por no máximo 10 pessoas. Fernando faz uma análise da competição já que vai estar ao lado dos melhores assadores de carne do planeta.

“Cada país reuniu os seus melhores assadores e estão indo com tudo em busca do mais importante título de churrasco do mundo”, disse.

Fábio Maiado – campeão brasileiro de churrasco 2019/20, campeão da Copa Sulamericana de Churrasco de 2018 e classificado para a Copa de Mundo de Churrasco de 2022, na Bélgica (Foto: Divulgação)

Okahara avalia que a equipe brasileira tem grandes chances, primeiro porque está sendo liderada por um grande assador, o Fábio Maiado, e também por reunir parrilleros que têm culturas regionais diferentes.

EXPERIÊNCIA

“Fabio Maiado é o capitão da equipe. É o brasileiro com a maior colocação no índice técnico do circuito de competições de churrasco no Brasil. A seleção brasileira será composta por assadores de todo o país e os Brutus prometem colaborar com a impressionante experiência do sabor de um verdadeiro churrasco”.

OUTRAS COMPETIÇÕES PELO MUNDO

Não é a primeira vez que a equipe viaja para outros países para representar o Brasil na competição de churrasco. Em 2020 os Brutus venceram uma disputa no Chile, que tinha competidores de países da América do Sul e Central. De lá para cá, o grupo de assadores de Três Lagoas tem rodado todo o Brasil promovendo a cultura do churrasco ancestral, ou, como os Brutos costumam dizer: “fazendo churrasco como os nossos pais e avôs faziam”.

Comentários
MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Este Conteúdo é protegido! O Perfil News reserva-se ao direito de proteger o seu conteúdo contra cópia e plágio.